28 de janeiro de 2010

A matemática justifica a greve dos Enfermeiros!

Eu não sei quem é o Georgino Silva mas ele escreveu um texto que eu considerei interessante e que está disponível (na integra) no site www.sep.pt.
Aqui vai a parte que mais gostei:

Assim, se considerarmos o salário e a nota média do universo global, concluiremos que
a nota de acesso à universidade dos enfermeiros é apenas 2% inferior à média global,
porém, o seu salário é 30% inferior a essa mesma média! Se realizarmos o mesmo
exercício para os professores, a nota mínima é 11% inferior à média geral, contudo, o
salário é 4% superior. E, por fim, os médicos que necessitando de notas mínimas 14%
superiores à média global, beneficiam também de salários 26% superiores aos dos seus
colegas da função pública. Em suma, mantendo o salário médio inalterado, os salários
óptimos para enfermeiros, professores e médicos em início de carreira são 1.434
(+40% face ao actual), 1.301 (‐14%) e 1.656 euros (‐10%), respectivamente. Ou seja,
caros enfermeiros, se os outros protestam, vocês têm de protestar ainda mais.
Manifestem‐se e esmifrem o Governo!

0 comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Para o topo da página