5 de abril de 2011

XXX Rali Sical, dias 15 e 16 de Abril...

A 30.ª edição do Rali Sical, prova que abre as portas ao Campeonato dos Açores de Ralis (CAR) e ao novo Campeonato Open de Ralis dos Açores (CORA), alberga 10 provas especiais que perfazem 87,27 quilómetros, num total do rali de 243,67km.

Registo óbvio para a presença de 52 equipas inscritas, isto depois de solicitarem a sua ausência as duplas José Paula/Luís Ribeiro, em Mitsubishi Lancer Evo IX, e Paulo Oliveira/Nuno Garcia, em Subaru Impreza.

Para já, conforme se percebeu aquando da conferência de imprensa de apresentação do certame, realizada na noite do passado sábado, o "rali do gostinho especial" está pronto para ir para as estradas da ilha.

O rali, que comemora uma data festiva em 2011, tem início ainda na noite de quinta-feira, dia 14, com a apresentação pública das equipas, pelas 22:00, no Largo Prior do Crato, local destinado este ano ao arranque e fim do evento, para que então na sexta-feira, dia 15, após efetuadas as verificações documentais e técnicas, possam ter início as provas especiais (PE's).

O conhecido litoral, desta vez denominado de "SICAL" e numa versão mais curta, idêntica à realizada no último Rali Ilha Lilás, em 2010, tem início pelas 21:00, seguido da PE 2 "Fonte Faneca/ Veredas", um já mítico troço nos ralis terceirenses com arranque previsto para as 21:25.

Nota para a partida do rali que este ano será efetuada pela ordem correta, fugindo ao que vem sendo habitual no primeiro dia de prova, em que normalmente os concorrentes partem por ordem inversa. Deste modo, compete à dupla tricampeã dos Açores de Ralis, Ricardo Moura e Sancho Eiró, abrir a estrada na noite de 14 de abril.

Para sábado foram traçadas duas especiais dentro da zona do Barro Vermelho, mas com novas variantes. "Ribeirinha/ São Sebastião" é o troço que abre o segundo dia da prova, com um total de 9,70km, seguido da especial "São Sebastião/ PIAH", sendo esta a maior classificativa do rali, com 16,00km, o que promete trazer algum entusiasmo à parte da manhã.

Depois do reagrupamento, a tarde inicia-se com a classificativa da "Agualva", uma nova variante do conhecido troço da Vila Nova, com 7km. Segue-se então, e para terminar, a especial "Porto Martins/ Contendas", classificativa que não ia para a estrada desde 2009.

Recorde-se que cada uma das provas especiais será percorrida por duas vezes, à exceção das que se realizam na noite de sexta-feira.

Nota de destaque nesta edição do Rali Sical são as ausências de Pedro Vale e Sérgio Silva, dois pilotos que ocuparam as segundas e terceiras posições absolutas do Campeonato dos Açores de Ralis de 2010, e de Gustavo Louro, piloto que tem o recorde de 13 vitórias consecutivas neste já velhinho mas sempre entusiasmante rali.

Fonte: Diário Insular

1 comentários:

txico disse...

diz que disse: o licas vai de porsche 977 como carro 0 !!!???? tou pa ver!

Ocorreu um erro neste dispositivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Para o topo da página